10 de mai de 2010

City Of Bones (The Mortal Instruments - Vol. 1) por Cassandra Clare

City Of Bones
(Vol. 1 - The Mortal Instruments Series)


Informações
Autora: Cassandra Clare
País: Estados Unidos
Idioma: Inglês
Gênero: Fantasia
Editora: Margaret K. McElderry (Simon&Schuster)
Data de Publicação: 27 de março de 2007
Páginas: 496
Sucedido por: City Of Ashes (Vol. 2 - Mar/2008), City Of Glass (Vol. 3 - Mar/2009), City Of Fallen Angels (Vol. 4 - Mar/2011)



(Obs.: post com tendências xiitas - figurativamente falando - por se tratar de uma das minhas séries favoritas)

Resumo:
Clarissa Fray é uma entre montes de adolescentes que vão ao Pandemonium - um clube para todas as idades - mas, como em um filme ruim, ela é a única que presencia e realmente vê um assassinato. Ou assim pensa ela.
Mas como explicar um homicídio se o corpo apenas... sumiu!?
Após a noite em que Clary encontrou três jovens misteriosos, parece que sua vida sem graça e normal resolveu enlouquecer e pular num abismo.
Isabelle, Alec e Jace são, à primeira vista, pessoas comuns, no entanto, tanto a pele marcada, a destreza com as armas ou a presunçosa superioridade arrogante que mostram ao tratar com outros humanos fazem deles diferentes.
Talvez de um mundo diferente.
Contudo, quando a mãe de Clary - Jocelyn - desaparece de repente, ela é jogada no meio da busca pela Taça Mortal (tradução livre) - um Instrumento Mortal - onde, uma vez, o anjo Raziel misturou seu sangue com o sangue humano para formar os Shadowhunters - uma raça de humanos capacitados para caçar e matar demônios.
E enquanto se aventura a obter o objeto para salvar Jocelyn, a garota vai descobrindo um novo mundo ao qual sempre pertenceu e que lhe foi tirada a chance de conhecer, onde todo mito é verdadeiro. Além disso, percebe o pior: sua própria mãe acabou se tornando uma desconhecida para ela.

Agora que lhe foi tirado tudo - memórias e pessoas que amava -, Clary só pode contar com a ajuda de seu melhor amigo, Simon; os irmãos Alec e Isabelle; o velho tutor, Hodge; além do garoto com aparência de anjo e boca diabólica, Jace; para lhe puxar do precipício. Ou não.

Como uma receita bem feita de bolo, Cassandra Clare desenvolve a história com uma ótima mistura de crenças e gêneros, além de uma cronologia perfeita.
Assim, se descobre a história dos Shadowhunters junto com Clary, uma história, que sem querer, se enlaça tristemente com a de sua família; toma-se sustos quando máscaras caem e verdades são ditas; além da boa dose de sarcasmo jogado moderadamente ao longo da história, o que dá um bom efeito.
O enredo se passa em Nova Iorque e o contexto é tão atual quanto uma história escrita em 2007 pode ser.
Ademais, é um livro com um tema diferenciado - anjos - e, por exemplo, nos EUA - mesmo quando a moda merda chamava Twilight - teve um bom espaço nos top 10 de melhores livros.

Recomendado:
T-O-T-A-L-M-E-N-T-E! Para ler e reler mil vezes.
Há bastante ação para quem gosta, além do modesto romance.
DICA: leia a série toda. Vale a pena!

Autora:
Cassandra Clare: é um pseudônimo pelo qual foi escrito The Mortal Instruments e, posteriormente, a nova Trilogia: The Infernal Devices (The Clockwork Angel, The Clockwork Prince e The Clockwork Princess). No entanto, a autora é conhecida por escrever fanfics que ficaram famosas na internet: a Trilogia Draco Dormiens (relacionada a Harry Potter) e The Very Secret Diaries (relacionada a Senhor dos Anéis), além de ser acusada de plágio. Tudo isso com o nome fictício Cassandra Claire.

Curiosidade:
O quarto volume da série - City Of Fallen Angels - tem lançamente previsto para 11 de março 2011, porém a autora recomenda que antes seja feita a leitura de The Clockwork Angel - primeiro volume da série The Infernal Devices - que será lançado dia 31 de agosto.
A série The Infernal Devices se passa muitos anos antes da série The Mortal Instruments, e como ainda é na temática dos Shadowhunters, pode-se reconhecer alguns personagens.

Posts relacionados:
Eu quero! Novas séries previstas para 2010
Sobre leitura, internet e um novo final

5 comentários:

O mundo encantado do Design disse...

pareceu legal a premissa... se eu tivesse mais tempo, leria rapidamente....

abraços, Ju...

Ana Carolina de Carvalho Fernandes disse...

Parece ser um livro interessantíssimo, confesso que fiquei tentada a procurá-lo em alguma livraria... Livros com esses temas de mistério, ação e fatos sobrenaturais ( que imagino que seja algo que este livro aborde também) sempre me fascinou e acredito que fascine muita gente.
Muito bom o post (:

Diana disse...

Oi! Parabéns pelo blog! adorei! Estou me segurando pra não ler Mortal Instruments, quero esperar o lançamento nacional... mas acho que vou acabar dando uma espiadinha! rsrsrsrs

Beatriiz disse...

kk só me falta coragem pra lê mé ! :S

mais prometo q vou ler ;x *--*

Juliana disse...

O livro é ótimo!
Fala de religiões sem julgar, também aborda homossexualidade além de vários outros pontos atuais de um jeito leve.

AH! Moisa e Ana Carolina, o livro ainda não saiu no Brasil, na verdade, esqueci de comentar no post que foi adiantado o lançamento pra julho.

DianaAAH! Obrigada! Então... eu to louca pra comprar minha cópia nacional também =D
mas eu sou apressadinha e já devorei os três livros da série umas 5 vezes.

Beatriiz se não ler TMI, vai ficar sem livros! E tenho dito! HAHA

Beijinhos e obrigada!